À espera do furacão Wolff

O livro de Michael Wolff sobre o governo Trump pode devastar Washington – ou se revelar apenas uma chuvinha à toa

Helio Gurovitz

g1

05/01/2018 08:11:40

Antecipada para hoje, a publicação de Fire and Fury, livro do jornalista Michael Wolff sobre o primeiro ano do governo Donald Trump, promete, para empregar uma imagem citada pelo próprio Wolff, provocar um “furacão de magnitude 5” em Washington, bem mais poderoso que as nevascas que têm devastado o país.

A primeira vítima da borrasca foi o ex-chefe de campanha e ex-estrategista de Trump, Steve Bannon, alvo de um despacho duríssimo em que Trump o acusa, com base nas declarações citadas no livro, de ter perdido não apenas o emprego na Casa Branca, mas também a cabeça.

Bannon foi o sustentáculo do populismo nacionalista que atraiu grupos supremacistas e antissemitas para a campanha de Trump e o artífice de algumas de suas políticas mais controversas, como o veto à entrada de cidadãos de sete países de maioria muçulmana, a ruptura de acordos internacionais e a crítica a “ambos os lados” depois da manifestação neonazista de Charlottesville em agosto.

Continuava ontem a ser lançado ao léu pelo vendaval. Foi abandonado por doadores de campanha com que contava para tomar o controle do Partido Republicano nas primárias para as eleições legislativas. Entre eles, o investidor petrolífero Dan Eberhart, o magnata dos cassinos Sheldon Adelson e o investidor Robert Mercer, principal financiador de iniciativas como o site Breitbart.

Poucos acreditam que Bannon continuará no comando do Breitbart depois do (raríssimo) comunicado de Rebekah Mercer, filha de Mercer e integrante do conselho do Breitbart: “Minha família e eu não nos comunicamos com Bannon há meses, não fornecemos apoio financeiro a sua agenda política, nem apoiamos suas ações e declarações recentes”.

Depois de Bannon, o furacão Wolff se volta agora contra o próprio Trump. A editora Henry Holt and Co., do grupo McMillan, decidiu antecipar o lançamento para hoje após ser notificada pelos advogados de Trump. Eles exigiram a suspensão prévia da publicação, atitude que fere o espírito da Primeira Emenda da Constituição americana, que garante plena liberdade de expressão.



noticias | vídeos | cobertura | velocímetro | quem somos |

SL3 Telecom© (Copyright 1997-2018) Todos os direitos reservados
São Luís / MA - Rua 14, Quadra 13, Casa 10, Vinhais
Fone/Fax: (98) 3235-6604 - E-mail: sac@sl3.com.br
Produced by Rafael Correia Paz | Márcio da Luz Sousa | Rafael Freitas